Artigos Sem categoria

Feliz ano novo!

design-3047520_1920

Todos os anos aguardamos um ano novo. Aguardamos que o ano seja melhor, que tenhamos um ano de abundancia, prosperidade, que seja melhor ou igual ao ano que passou. Todo ano desejamos!

É um movimento que parece mágico. Que tudo vai ser melhor, vai ser diferente e dotado de muita esperança. E a sensação que tenho é que muitas vezes a esperança vem acompanhada de um sentimento de uma espera letárgica. Vamos aguardar o que o destino nos reserva e seja o que Deus quiser!

A palavra “esperança” é derivada da palavra latina SPES que significa “confiança em algo positivo”, que deu origem ao verbo SPERARE. Daí veio o verbo “esperar” que em latim significa “ter esperança”. Tenho a certeza de que somos parte dessa construção do desejo Divino e que tudo é do jeito que precisa ser, na hora que precisa acontecer, com a pessoa que precisa estar presente e no lugar preciso. E que não dá para largarmos na mão de Deus e aguardarmos. Quem disse que ele aguenta isso?

No meu entendimento, a esperança é algo que resulta de uma ação. De uma ação positiva. Se faço algo devo esperar que o que faço tenha resultados positivos. E não só para mim. Para todos! Pois devemos lembrar que somos UM!

Lembro que meu saudoso pai plantou mangostão ou mangostim, uma fruta exótica de origem asiática, proveniente de uma arvore frutífera tropical que demora em torno de 10 anos para frutificar. Uma planta bastante adaptada ao clima do Sul da Bahia. E ele ligava para os amigos incentivando a plantação e fazia doações de mudas. E quando ele dizia que a pessoa iria aguardar 10 anos para se deliciar com a fruta, ninguém queria. Pois era capaz de não estar vivo para usufruir.

Hoje, eu, minha família e diversas pessoas usufruímos desse delicioso fruto por conta da sua ação visionária. Ele não ficou vivo para usufruir. Isso me lembra um ditado que diz: “Quem planta tâmara não colhe tâmaras” porque as tâmaras levam de 80 a 90 anos para darem os primeiros frutos. No entanto, se não fossem
plantadas ninguém as comeria.

Portanto, essa mudança tão esperada não vem de fora. Não vem do outro. Vem de nós. Virá por meio das nossas atitudes. De atitudes que beneficiem o coletivo. Precisamos nos perguntar: O que eu preciso alterar em mim? Como posso alterar a forma de lidar com as situações que vejo e que não me agradam? Como posso deixar de me omitir e passar a agir como cidadão, como pai/mãe, filho/filha, que pertence a si, a essa cidade, a esse país e Universo?

A gente espera que sempre o outro faça. Postamos queixas nas redes sociais, descasos das autoridades públicas, fatos absurdos esperando que alguém tome uma providencia. Quem tomará essa providencia senão nós mesmos?

Quem poderá fazer com que o ano seja de fato novo, diferente se não eu e você? Todos nós juntos, unidos em uma só força? Quem quer? Ou estamos em busca de um Tiradentes, de um Antônio Conselheiro, Joana D’arc para salvar a nós?

Com a tecnologia que temos hoje, com as redes sociais, somos capazes de construir uma rede tão grande, inimaginável que podemos “pescar muitos peixes”. Juntos em rede! Rede é diferente de um quadrado, de um círculo, de um triangulo. Rede é rede! Rede é conexão em uma mesma frequência de energia. De pensamento e desejos intrínsecos na Alma.

Eu também desejo que tudo melhore, que muitas coisas sejam diferentes, que o nosso país melhore, que os nossos políticos sejam mais responsáveis. E ao mesmo tempo que eu desejo, eu me pergunto e lhe pergunto o que vamos fazer para que o ano seja mesmo diferente? Para que o nosso país e a qualidade dos nossos políticos melhore? Para que todos tenham qualidade de vida e vivam com dignidade?

Deixo aqui essa reflexão e o desejo de que realmente esse seja um ano de ATITUDES!

Felicitudes!

Artigo publicado no jornal Diário de Ilhéus em 29/12/2017.

4 comentários

  1. Parabéns Eulina! Pelo pensamento elucidativo , motivacional , que nos convida à reflexão profunda: ” E eu, faço o quê, com o Ano Novo aí batendo em minha porta…? Como é possível fazer diferente para que o Novo Ano seja realmente bom? Bom pra mim, bom pra todos?” Porque o Ano 2018 já está aí à postos, aguardando o que nós iremos fazer com ele!
    Que possamos fazer deste nosso Ano o melhor até agora de nossaa Vidas! Para isso, pedimos e agradecemos apenas, a bênção de Deus sobre nós! Que Deus nos abençoe a todos! Feliz Ano Novo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: